“Quero interpretá-lo pelo resto da minha vida”, diz Ryan Reynolds sobre Deadpool

6 de fevereiro de 2016

ryanreynolds

Durante entrevista ao IGN para promover o filme Deadpool, Ryan Reynolds fez uma declaração de amor ao seu personagem, afirmando querer interpretá-lo pelo resto da sua vida.

“Não quero interpretar nenhum outro personagem de quadrinhos, apenas Deadpool. Gostaria de ficar com o papel pelo resto da minha vida. Seria divertido”, disse o ator, que esperou por 11 anos a chance de estrelar um filme solo do mercenário.

Deadpool será proibido para menores de 16 anos no Brasil. A decisão do Ministério da Justiça saiu nesta quinta-feira (4).

Nos EUA, o filme não é recomendado para menores de 17 anos. De acordo com o órgão que controla a censura de filmes por lá, Deadpool tem “muita violência, linguagem inapropriada, conteúdo sexual e nudez gráfica”.

No longa-metragem, Ryan Reynolds volta ao papel do anti-herói, já vivido por ele em X-Men Origens: Wolverine. A brasileira Morena Baccarin (Copycat), T.J. Miller (Fuinha), Gina Carano (Angel Dust), Brianna Hildebrand (Negasonic Teenage Warhead), Ed Skrein (Ajax) e Andre Tricoteux (Colossus) completam o elenco.

Espalhe o Dudecast
The Dudes © 2016